segunda-feira, 11 de julho de 2022

Alunas do IFCE precisam de ajuda para apresentarem trabalho no Chile

 

Somos Emilly, Gabriela e Sâmia, estudantes de Letras no IFCE campus Tauá e precisamos da sua ajuda para apresentarmos um trabalho acadêmico no Chile! 

Essa história começa em 2021, quando a partir da pesquisa “Madeira Que Cupim Não Rói”, vinculada à Universidade de Illinois/EUA, passamos a percorrer o sertão dos Inhamuns em busca dos guardiões da cultura da rabeca no Ceará - os mestres rabequeiros. Juntamente com nosso orientador, professor Auricélio Ferreira, e o músico e pesquisador Francisco de Freitas, reunimos dados, histórias e sons desses mestres, num movimento de reconhecimento e valorização da cultura popular e sua tradição.

Em nossa investigação, encontramos um elemento intimamente relacionado ao toque da rabeca nos Inhamuns: a Dança de São Gonçalo - tradição religiosa de pagamento de promessas, composta por música e dança.

E é a partir desse encontro que surge nosso trabalho: “Dos ritos de vida e morte: o corpo como chave do devocional na experiência da Dança de São Gonçalo (de vivos e de almas) no sertão cearense”, que foi aceito para o simpósio “Sustentabilidade por meio de práticas de música e dança: comunidade, meio ambiente, patrimônio cultural e descolonização”, do Grupo de Estudos de Música e Dança da América Latina e Caribe do ICTM - Conselho Internacional de Música Tradicional.

O simpósio será realizado entre 26 de setembro e 1 de outubro de 2022, na Universidade Alberto Hurtado em Santiago, Chile. Estamos muito felizes com a repercussão da pesquisa e a presença no evento será fundamental para nosso percurso acadêmico!

No entanto, os custos com translado, hospedagem, alimentação e mobilidade são de responsabilidade dos participantes, isto é, fica por nossa conta. Essa realidade gera um impasse para nossa ida: tanto nós, que somos estudantes, não temos o recurso necessário, como também o IFCE não dispõe dessa verba (levando em conta os grandes cortes e sucateamento que têm ocorrido nos últimos anos). Assim, nossa ida ficaria impossibilitada e poderíamos perder essa grande oportunidade.

Portanto, para conseguirmos realizar nosso trabalho, CONTAMOS COM SUA AJUDA!  O investimento necessário para a viagem é o seguinte:

Passagens Aéreas (Fortaleza - Santiago, Chile): R$ 12.474.

Esse é o valor necessário para ida e retorno das três proponentes: Emilly, Gabriela e Sâmia.

Nossa campanha de arrecadação está aberta e estamos muito confiantes de que, com o apoio de todes, poderemos fortalecer o potencial intelectual de nossa cidade e compartilhar a cultura dos Inhamuns em terras chilenas! 

Podemos contar com você?

Desde já, nosso muito obrigada



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento