quinta-feira, 10 de fevereiro de 2022

Enel quer mudar o tipo de postes instalados no Ceará

 

Empresários cearenses da agropecuária, da indústria, do comércio e dos serviços levantam-se contra a Enel, distribuidora exclusiva de energia elétrica em todo o Estado do Ceará, que está a exigir, agora, um novo tipo de poste para instalar seus cabos e fios de transmissão.

Até agora, a Enel utilizava os postes de duplo T, que, segundo engenheiros ouvidos por esta coluna, dão mais sustentação à fiação, incluindo os cabos de fibra ótica das operadoras de telecom, que também utilizam – pagando uma taxa mensal – esses equipamentos da Enel.

Uma fonte diretamente ligada à Enel revelou que a decisão de substituir o modelo de poste utilizado no Ceará desde os tempos da estatal Coelce “não foi tomada pela direção da empresa em Fortaleza, mas veio de sua cúpula, mais precisamente do seu setor de compras, que fica em Niterói (RJ).

As 12 empresas cearenses que fornecem postes para a Enel neste Estado reclamam que foram tomadas de surpresa pela decisão do comando da Enel, e reclamam que terão “gastos significativos” para desenhar e fabricar novas formas para os novos postes.

Essas empresas, todas de pequeno porte, têm em estoque milhares dos postes antigos, que não mais estão sendo adquiridos pela Enel. “Já imaginou o prejuízo?” – perguntou a mesma fonte. O poste redondo custará o dobro do preço do poste antigo.

Um dos argumentos apresentados pela Enel para fazer a substituição dos postes é o registro de acidentes, principalmente no interior do Estado, causados por equipamento de instalação obrigatória nos postes antigos.

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Ceará, Amílcar Silveira, informou que está acionando seu departamento jurídico para fazer o que chama de “defesa dos interesses dos produtores rurais, que são clientes da Enel e que não podem, de uma hora para outra, encarar mais esse custo”.

A indústria cearense também já se mobiliza no mesmo sentido.

Fonte: Diário do Nordeste, coluna Egidio Serpa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento