terça-feira, 9 de novembro de 2021

Preso em Crateús acusado de abusar sexualmente da filha de apenas 07 anos

 

Na tarde desta segunda-feira(08) apresentou-se na Delegacia Regional de Polícia Civil de Crateús, acompanhado de um advogado, Agberto dos Reis de Oliveira 30 anos, natural de Crateús residente em Parelhas. Contra o mesmo existia um mandado de prisão em aberto. Agberto é acusado de ter abusado sexualmente da própria filha de apenas 7 anos de idade. A denúncia chegou para a polícia civil que apurou os fatos, fez o inquérito, solicitou a prisão e a justiça decretou.

Em conversa com a reportagem a mãe da vítima disse que tem quatro filhas sendo que três delas também são filhas do acusado, sendo uma de 8, outra de 7 e uma de 4 anos. Disse que no dia 23 de outubro ela viajou para Fortaleza para visitar a filha mais velha e levou uma criança de 4 anos de idade onde ficou em casa com os outros dois, um de 7 e outro de 8 anos. Ela saiu no sábado 23 por volta das 12 horas e retornou na terça-feira. Quando retornou percebeu o comportamento de uma das filhas e diferente foi quando a de 8 anos relatou que o pai teria forçado a criança de 7 anos e agredido a mesma. Disse que durante o período em que esteve sozinho com as crianças, trancava as duas em casa e obrigava a sentar no colo do mesmo, deitar no braço, mandava a de 8 anos dormir, tomava banho na frente das duas crianças e ficava às vezes no sofá agarrado com a mesma.

Ainda segundo a mãe, no domingo 24 ele acabou colocando as mãos por baixo da própria filha, acariciou, praticou a violência sexual com a filha de 7 anos de idade. Ao retornar, a mãe percebeu o comportamento estranho das crianças, conversou com as duas e depois acabou confessando. A criança foi levada para o núcleo de perícia forense em Tauá onde passou por um exame que comprovou a violência, daí o delegado solicitou a prisão e a justiça decretou e nesta segunda o mesmo apresentou-se na delegacia. Ele está preso e nesta terça-feira será levado para o Centro de Triagem em Novo Oriente.

Repórter Tony Sales 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento