segunda-feira, 22 de junho de 2020

CBMCE de Tauá passa atender ocorrências pelo número 193


A 3ª Companhia do 3º Batalhão de Bombeiro Militar (3ªCia/3ºBBM) do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE), com sede em Tauá, passou a utilizar desde a última sexta-feira (19), o 193 como telefone de contato para receber ocorrências. O número, que é disponibilizado para chamadas de emergência em todo território nacional, é gratuito.

Anteriormente, a unidade do CBMCE em Tauá contava apenas com o número de celular (85) 99675 4897 e o serviço de chamadas de rádio da Polícia Militar do Ceará (PMCE), o Copom. “Desde a última sexta-feira, nossa unidade passou a receber ocorrências por meio do 193. Isso otimiza o atendimento, já que a chamada vai direto para o quartel dos Bombeiros. Com isso, o tempo de resposta é agilizado e a ocorrência é prontamente atendida”, comentou o tenente-coronel Marcos Gomes, atual comandante da 3ª Companhia do 3º Batalhão de Bombeiro Militar.

A linha 193 será de um celular adaptado por uma operadora de telefonia, com cobertura na Área Integrada de Segurança 22 (AIS) do Ceará, que abrange Tauá e outras cidades vizinhas. Parambu também já é atendida pelo número de emergência. Os demais municípios estão em fase de testes.
Como acionar?

Ao ligar para o 193, tenha sempre em mãos os dados que serão transmitidos ao atendente para agilizar a ocorrência, como o endereço do local, características específicas do evento e condições de possíveis vítimas. Conforme as informações repassadas em ligação telefônica, os bombeiros militares identificarão o tipo de acionamento, a gravidade do caso, a real necessidade de deslocamento de equipes e o tipo de socorro mais adequado.As linhas do telefone de emergência não devem ficar ocupadas com situações que não necessitem de atenção imediata.
Quando ligar para o 193?

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará constitucionalmente atua nas áreas de atendimento pré-hospitalar, combate a incêndio, busca e salvamento, defesa civil e atividades técnicas que são desenvolvidas pelo Comando de Engenharia de Prevenção de Incêndio (Cepi), distribuídas em ocorrências de incêndios em residências, empresas, estruturas e em vegetação.

Fonte: www.sspds.ce.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento