quarta-feira, 1 de abril de 2020

Apreendidos mais uma vez menores acusados de vários assaltos em Tauá


A Polícia Militar através do CPRaio conduziu a Delegacia Regional de Tauá - nesta terça-feira,31, após a devida identificação, dois adolescentes, ambos de 17 anos de idade, residentes no bairro Colibris, em Tauá, acusados de praticarem uma série de roubos e furtos neste município durante o mês de março último passado.

A última ação da dupla aconteceu contra um posto de combustíveis da Vila Joaquim Moreira, nessa segunda-feira,30, dois dias depois de terem sido liberados pela justiça, no último sábado,28, após terem sido apreendidos na quinta-feira, 26, acusados de furto de uma motocicleta, na Rua Antônio Cariri - bairro Planalto Quinamuiú.

Na delegacia de Polícia os menores confessaram espontaneamente a prática do assalto ao Posto Café e relataram que teriam alugado as armas e agido a mando de um homem identificado por Gilson Macedo, residente na Vila Joaquim Moreira, e que teriam recebido a quantia de R$150,00 reais cada um pela ação.

Os menores relataram ainda, que a motocicleta usada no assalto ao Posto foi roubada por eles no último dia 8 de março, na Avenida Chermont Alves de Oliveira em Tauá. E que também tinha sido encomendada por Gilson, mas uma outra pessoa que iria ficar com a referida moto tinha desistido do negócio.

Com isso, eles abandonaram a referida moto que foi localizada pela FTA e Romu, nas proximidades da fazenda Maranata, as margens da BR 020, após várias outras tentativas de assalto realizadas pelos acusados.

A moto trata-se de uma Honda Fan, 160, de cor vermelha, placa PMW 3966, a qual os acusados modificaram a cor da mesma, pintando-a de preta e também retiraram a placa.

Diante das informações, a polícia civil foi até a residência de Gilson na Vila Joaquim Moreira e ele se encontrava dormindo, mas com a autorização da sua esposa, os policiais revistaram o imóvel e não encontram nenhum objeto do roubo, nem tão pouco armas.

Segundo o delegado plantonista, Dr. Lopes, Gilson negou qualquer envolvimento com os menores e falou que não tinha armas e objetos em seu poder, muito menos ter encomendado prática de roubos aos adolescentes.

Ainda segundo a polícia civil, na residência foi encontrado apenas um ursinho de pelúcia com duas trouxinhas de maconha que o suspeito afirmou que era do seu uso. Sendo assim, foi lavrado um TCO - Termo Circunstanciado de Ocorrência e ele foi liberado.

Os dois menores estão apreendidos e a polícia vai solicitar a justiça, a internação dos mesmos, que são suspeitos de vários outros delitos de furto e roubo em Tauá.

Por Flaviano Oliveira - repórter.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adsense

Botões de Compartilhamento