terça-feira, 21 de junho de 2022

Dobradinha tauaense no VII Prêmio Alberto Nepomuceno de Composição Musical

 

E teve dobradinha tauaense no VII Prêmio Alberto Nepomuceno de Composição Musical que tem por objeto a concessão de prêmio para reconhecimento a composições e arranjos musicais inéditos criados para solistas, orquestras, bandas de músicas e grupos instrumentais com formações flexíveis. O maestro Paulo Alves Diniz foi o terceiro colocado na categoria composições originais - banda de música nível técnico 1 e 2 com a obra " Na Sombra do Quinamuiú." E a professora Tatiana Ferreira Vasconcelos ficou na primeira colocação na categoria arranjos de obra de Alberto Nepomuceno para bandas nível técnico 1 e 2 com o arranjo da obra "Canção." As obras premiadas farão parte do acervo de partituras do SEBAM (Sistema estadual de Bandas de Música). As categorias do referido Prêmio são voltadas para a composição e arranjo de concerto e gênero popular, como forma de valorizar e fortalecer a memória musical cearense e brasileira e o potencial criativo e empreendedor dos músicos no estado do Ceará.

Biografia

Paulo Alves Diniz

Graduado em Artes Visuais e Licenciatura em Música, pós graduado em Regência Orquestral e cursa Musicoterapia. Iniciou sua carreira em 1994 na banda de música João Xavier guerreiro na cidade Boa Viagem-Ce seu município de origem. Músico, gestor, produtor, arte-educador Paulo Diniz dirigiu várias bandas de música no estado do Ceará, dentre elas destacamos orquestra de sopros maestro Chico Clarinete da cidade de Tauá-Ce. Em 2020 atuou como secretario municipal de Cultura e Turismo na cidade de Tauá-Ce. Atualmente é Regente da Banda de Música da cidade de Arneiroz-Ce, Professor de Música na Cidade de Nova Olinda- Ce, Professor do Núcleo de Sopros da Vila da Música Crato-Ce e é fundador e coordenador do Ponto de Cultura Melodias do Amanhã, recentemente certificado como ponto de cultura do estado do Ceará.

Tatiana Ferreira Vasconcelos

Graduando em Pedagógia e Licenciatura em Matemática, cantora musicista, arte educadora e professora de iniciação musical no Ponto de Cultura Melodias do Amanhã.

Fonte: Secretaria de Cultura

2 comentários:

  1. Parabéns aos dois pela belíssima obra... começa com a beleza do título e tem seguimento na composição melódica. É precioso ver o nome Quinamuiú estampado nas conquistas do universo da arte.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns aos agraciados que elevam a cultura musical ao patamar que merece , e a Eles por terem dedicado suas vidas a este desiderato .Carlos Gomes de Oliveira.

    ResponderExcluir

Botões de Compartilhamento