quinta-feira, 23 de dezembro de 2021

Confirmados casos da variante Ômicron no Ceará


O governador Camilo Santana (PT) confirmou, nesta quinta-feira (23), que o Ceará registrou três casos da variante Ômicron do coronavírus. Os três são passageiros vindos da Tailândia, de Milão (Itália) e São Paulo.

Os contaminados estão em isolamento e são monitorados pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa).

A informação foi dada durante transmissão ao vivo, na tarde desta quinta, ao lado do secretário da Saúde, Marcos Gadelha.

Segundo o governador, duas pessoas foram testadas no Aeroporto de Fortaleza. A terceira testagem ocorreu no Shopping RioMar.

“Essas pessoas estão em isolamento para serem acompanhadas pelos profissionais da Sesa. Isso é um alerta. Temos sempre colocado a preocupação de avaliar e acompanhar todos os números”, disse Camilo.

Ele frisou que isso demonstra a importância da exigência do passaporte da vacina contra a Covid-19, além do monitoramento nos terminais — principal porta de entrada de mutações da Covid-19.

O Diário do Nordeste solicitou mais detalhes à Sesa e aguarda retorno.

Variante Ômicron
No Brasil, os primeiros casos da variante Ômicron foram registrados em São Paulo, no último dia 2 de dezembro. Depois, foi confirmada a transmissão comunitária da nova cepa.

A linhagem foi notificada pela primeira vez pela África do Sul, em 24 de novembro.

Nova decreto
O governador Camilo Santana (PT) também anunciou que o próximo decreto restritivo prevê a exigência do passaporte da vacina em hotéis e academias no Ceará. A medida entra em vigor a partir do próximo dia 3 de janeiro.

No decreto anterior, já havia sido definida a proibição de público superior a 2,5 mil e 5 mil pessoas para eventos do fim do ano em locais fechados e abertos, respectivamente.

Também houve a exigência do passaporte da vacina para o acesso a sedes de órgãos públicos.

Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento