domingo, 25 de julho de 2021

Corpo de Bombeiros captura animal em telhado de residência em Tauá

 


Um saruê macho foi resgatado pelos militares do Corpo de Bombeiros Militar da 3ª Cia do 3º batalhão na noite deste sábado (24). Os bombeiros foram acionados via 193 por volta das 23h40 e compareceram a uma residência situada a Rua Amâncio Rodrigues, no bairro Alto Nelândia onde se depararam com o animal silvestre em cima do telhado.

O Ten André Luiz informou que os Militares utilizaram equipamentos de proteção individual, escada e um cambão para captura do animal que não apresentava ferimentos, ele foi levado para um local de mata,  sem habitação e posteriormente foi libertado em seu habitat natural.

Curiosidades sobre o saruê.

O animal possui vários nomes, dependendo da região do Brasil: saruê (Minas Gerais); sariguê, saruê ou sariguêia (Bahia); mucura (Amazônia); timbu (Pernambuco); cassaco (Ceará); micurê (Mato Grosso), raposa (Região Sul do Brasil); e taibu, tacaca ou ticaca (São Paulo).

É um marsupial de hábitos noturnos, ou seja começa a caçar e coletar alimentos durante o período da noite. Alimentação dos gambás consistem em ovos, frutas, vermes, insetos lagartos, anfíbios e até mesmo filhotes de pássaros.

Possui hábitos solitários, porém, na época do acasalamento forma casais para se reproduzir. Neste período casal constrói um ninho de galhos e folhas secas.

Esse animal produz na região das axilas um líquido de cheiro forte e desagradável que serve para espantar outros animais. Esse mesmo odor  é produzido pela fêmea na época da reprodução para atrair o macho.

Os filhotes de gambá nascem na forma de embrião e pezam dois gramas aproximadamente. O desenvolvimento ocorre na bolsa materna da mãe.

O habitat natural dos gambás é a floresta, porém consegue adaptar-se bem as regiões com presença humana.

Corpo De Bombeiros: GUARNIÇÃO TEN ANDRÉ LUIZ, SD MICKSON,  SD ARLENILSON, SD RODRIGUES e SD ARTHUR. 

Veja o momento da soltura do animal.


Com informações, foto e vídeo do Corpo de Bombeiros 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento