quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Réu condenado por assassinato em Arneiroz


Foi realizado nessa terça-feira, 18, o 5º Júri Popular da comarca de Arneiroz, que tem cerca de 20 anos de 11 meses de fundação.

Sentou no banco dos réus, o Antonio Talles Gomes de Sousa, vulgo “Capa Preta”, acusado de assassinar a golpe de faca a vitima de nome Idalmir dos Santos da Silva, fato ocorrido no dia 25 de maio de 2016, numa calçada, próximo a Igreja do bairro Santo Antonio, em Arneiroz.

Naquela ocasião, a vitima que era ex-presidiário foi encontrado sem vida, praticamente degolado com um profundo corte no pescoço.

A policia civil fez os levantamentos chegando a conclusão de que, Antonio Tales, teria sido autor do bárbaro crime. Foi solicitado um mandado de prisão, concedido pela justiça e cumprido na tarde do dia 03 de junho do mesmo ano.

o júri foi presidido pelo Juiz Tadeu Trindade.O Ministério Público esteve na acusação,através do  Dr. Marcos e a defesa do réu  foi do advogado dativo, Dr. Carlos Augusto (Guto Lima).

O réu foi condenado a 16 Anos e 4 meses de reclusão no regime fechado.Ele se encontra preso na cadeia pública de Arneiroz e segue encarcerado no cumprimento da pena.

Por Flaviano Oliveira – repórter.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento