sexta-feira, 26 de abril de 2019

Dezenas de galinhas são encontradas mortas e a causa é um mistério


Um fato curioso e preocupante foi registrado na madrugada do último domingo,21,na propriedade do relojoeiro Hildete,na localidade Barbosa,que fica a poucos quilômetros da sede de Tauá.Mais de 70 galinhas foram mortas e a causa é um verdadeiro mistério.No local funciona um criatório de galinhas que é cuidado por uma cunhada do Hildete e contava com mais de 100 animais.No inicio da manhã do domingo mais de 70 apareceram mortos e alguns enterrados.Segundo os moradores,nenhum barulho estranho foi observado e até mesmo os cachorros não se manifestaram.Aparentemente as galinhas foram chupadas e mortas por um animal ou animais até então desconhecidos.

A principal suspeita é que as galinhas foram atacadas por um bando de Saruês,já que um filhote dessa espécie foi encontrado no local.Depois do acontecimento não houve mais mortes e também não se observou a presença de animais estranhos na área.

Os saruês têm hábitos noturnos e se alimentam de frutas, raízes, vermes, larvas, insetos, lagartos, serpentes, anfíbios, aves e pequeno mamíferos, como ratos. Além disso, os saruês ainda são conhecidos por seu apreço pelo sangue, que costumam sugar de suas vítimas.

O proprietário preferiu não registrar um boletim de ocorrência,mas espera descobrir o que realmente aconteceu.As galinhas são criadas para consumo próprio.

Repórter Edy Fernandes 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento