segunda-feira, 20 de agosto de 2018

Vereador diz que funcionária da Policlinica foi demitida por causa de uma foto


O vereador Felipe Viana ocupou a Tribuna da Câmara Municipal de Tauá,na sessão desta segunda-feira,20,quando levou a público a situação de uma servidora da Policlinica.Segundo ele,uma auxiliar de serviços gerais,pousou para uma foto ao lado do ex-vice-governador Domingos Filho,em um evento politico,realizado no sábado e na segunda-feira foi demitida.A servidora tinha cerca de 06 anos de serviços prestados.Segundo o vereador,tem diversos áudios enviados para a servidora,questionando as suas preferências eleitorais.O vereador Felipe disse que a servidora já esteve na Câmara vaiando vereadores e apoiando um grupo politico,mas agora foi demitida por conta da foto.

O vereador  também fez referências ao pronunciamento anterior ao seu,do vereador Alaor Mota.É que em sessões passadas,o vereador Felipe fez questionamentos sobre os serviços prestados no Municipio por empresas de dois filhos do vereador Alaor,Herbelh Mota e Herbert.Nesta segunda-feira,Alaor apresentou uma prestação de contas das duas empresas,o que segundo ele,mostra a transparência dos serviços prestados,na área de publicidade e na implantação de próteses dentárias.Felipe Viana disse que tem solicitado por diversas vezes as informações sobre esses serviços prestados,mas não foi atendido e logo que for vai fazer sua avaliação.

O vereador chamou à atenção para o momento atual da politica em Tauá,com muitas perseguições e chegando ao ponto máximo de extrapolar todos os limites.Relatou que diante de tanta falta de respeito e desejo de destruição de alguns,sente um desgosto pela vida pública.Felipe finalizou pedindo que independente de correntes politicas é preciso implantar o respeito e o diálogo.O procurador Geral do Municipio,foi apontado pelo presidente da Câmara,Luis Tomaz,como o grande incentivador da discórdia entre executivo e legislativo.Felipe Viana também culpou o chefe do executivo por não ter pulso em diversas situações.

CONFIRA A SESSÃO NA INTEGRA