terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

5 dicas de como se proteger na internet


Hoje é o Dia Internacional da Internet Segura, sabia?

Pensando nessa data, resolvemos publicar 5 dicas de como você pode ficar protegido enquanto navega, ainda mais com ataques virtuais que aconteceram no mundo todo, como aqueles que os jornais informaram ano passado. Nossos dados ficam expostos na rede, por isso, é importante manter a nossa conexão segura. Veja mais abaixo as dicas de como se proteger enquanto acessa a internet.

1. Cuidado com download de aplicativos

Quando for baixar aplicativos ou jogos, procure sempre na loja oficial do seu celular - Google Play, App Store ou Microsoft Store. Evite fazer download de apps fora dessas plataformas pois, provavelmente, eles não passaram por uma verificação de segurança e podem levar o risco de suas informações salvas no aparelho serem roubadas por vírus ou códigos malignos.
É comum, por exemplo, enviarem links pelo WhatsApp pedindo para clicar neles e ganhar promoções ou qualquer outro benefício. Nunca faça isso. Se possível, confirme com o dono do perfil que enviou o link se ele realmente fez isso.

2. Evite salvar informações pessoais em seus dispositivos

Guardar números de documentos e até senhas no celular, computador ou tablet não é seguro. Se, por acaso, esses dispositivos forem infectados por vírus, as informações salvas neles ficarão ao acesso de quem está no controle do programa.

3. Garanta segurança em seus dispositivos

Ter um antivírus instalado em seu computador, tablet ou celular é uma ótima forma de barrar ameaças da rede, como downloads infectados, por exemplo. O Avast Free Antivírus é um dos antivírus mais confiáveis.
E, sempre que possível, atualizar o sistema de seus dispositivos garante que ele fique mais aprimorado, tendo ainda mais proteção contra invasões virtuais.

4. Fique atento com compras na internet

Sempre faça compras em sites de lojas que você tem certeza de que são confiáveis. Fique com um pé atrás com anúncios de produtos com preços bem abaixo do que o mercado oferece. Se o site da loja é novo, pesquise se ele possui CNPJ registrado e ativo na Receita Federal.
Também evite usar o internet banking em uma rede Wi-Fi aberta. Nesses casos, prefira usar o Wi-Fi da sua própria casa.

5. Cuide das suas senhas

Deixe suas senhas o mais complexo que puder. Combinações fracas, que tenham apenas letras ou sequências de números são mais fáceis de serem hackeadas. No geral, uma senha com, pelo menos, 8 caracteres, misturando letras maiúsculas e minúsculas, números e símbolos, como “@”, por exemplo, são consideradas seguras.
E, por mais complicado que seja lembrar de várias senhas, não é recomendado você usar a mesma em todos os seus acessos. Para cada conta que você tiver, use combinações diferentes.

Gostou das informações? Acompanhe a nossa página para saber de mais dicas.


Fonte:Produção da equipe de Comunicação da Brisanet.