segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Vereador apresenta na tribuna da Câmara reivindicações da comunidade de Vera Cruz


O vereador Felipe Viana ocupou a Tribuna da Câmara Municipal de Tauá,na sessão dessa segunda-feira,04.No inicio de seu pronunciamento ele fez uma cobrança em nome dos motoristas dos ônibus do transporte escolar,que estão com os salários atrasados.Segundo o vereador,além do salário pago não ser o que realmente é merecido pela categoria,ainda se encontra em atraso.Ele relatou que outras categorias que prestam serviço temporário ao Municipio também estão com os salários atrasados.

O vereador também levou para a tribuna a reivindicação da população da Vila de Vera Cruz,que se prepara para os festejos de sua Padroeira,Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.Segundo o relato dos moradores,a praça se encontra toda danificada,não houve nenhuma restauração,como também o sistema de esgoto que se encontra entupido,causando a maior fedentina.Felipe Viana lembrou que foram feitas grandes festas em Flores e Marruás,por exemplo, e que é preciso dar o mesmo tratamento para Vera Cruz.Segundo o vereador,no último domingo,foi preciso moradores se reunirem e com ferramentas fazerem uma limpeza na praça.Em aparte,o lider do executivo,vereador Chico Neto,disse que houve um exagero por parte dos moradores e uma equipe da infraestrutura já está se deslocando para a Vera Cruz e vai fazer um trabalho de recuperação.

Segundo a vereadora Fátima Veloso,representantes da comunidade fizeram a revindicação direta ao gabinete do executivo,mas não houve um pronto atendimento,dai houve a reação dos moradores diante da proximidade para o inicio dos festejos religiosos.O vereador Luis Tomaz também fez um aparte e se referiu as festividades da Vila Joaquim Moreira.Segundo ele,a comunidade não teve apoio para a colocação de barracas e teve o apoio de duas bandas que tocaram no evento,só que uma delas ainda não recebeu o pagamento e ameaça cobrar na justiça.Segundo o vereador,faltou apoio também para a festa religiosa da comunidade de Missão.Os parlamentares cobram do Municipio o tratamento igual em apoio a todas as festas religiosas do interior do Municipio.