domingo, 17 de julho de 2022

Ceará vacina crianças de 3 a 5 anos a partir dessa segunda

 

As crianças com idade entre 3 e 5 anos começam a ser vacinadas contra Covid-19 na segunda-feira (19) no Ceará, mas a quantidade de doses disponíveis é insuficiente para imunizar o público dessa faixa etária.

Conforme a Secretaria da Saúde, o Ceará tem cerca de 64 mil doses da CoronaVac, e o estado tem um total de 262 mil pessoas agora aptas a receber a vacina contra Covid.

A imunização dessa faixa etária ocorre após a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) autorizar o uso da CoronaVac nesse público.

Em mensagem publicada em rede social, a governadora do Ceará, Izolda Cela, afirmou que iria solicitar mais doses com o governo federal.

Vamos solicitar ao Ministério da Saúde mais doses da CoronaVac, vacina liberada pela Anvisa nessa faixa etária, para distribuir aos nossos municípios. Juntos vamos superar essa pandemia", comentou a governadora em rede social.

Veja abaixo perguntas e respostas sobre a vacinação contra Covid nas crianças de 3 a 5 anos.

A vacina é a mesma usada em adultos?

Sim. Crianças de 3 a 5 anos receberão a mesma dose que hoje é aplicada nas faixas etárias de 6 a 17 anos e nos adultos.

Qual o intervalo entre doses?

O esquema é o mesmo recomendando para outras faixas etárias: duas doses aplicadas em um intervalo de 28 dias.

Ainda não há estudos sobre mix de vacinas - a vacinação heteróloga. A orientação é tomar duas doses do mesmo imunizante.

Há registro de reações?

Segundo os resultados de estudos de Farmacovigilância Ativa da Anvisa, não foi registrado nenhum evento adverso grave relacionado ao uso da vacina em crianças de 6 a 17 anos.

A agência também apresentou dados internacionais de segurança da vacina CoronaVac na faixa etária de 2 a 7 anos: 79% das notificações de eventos adversos pós-vacinação foram considerados não greves.

"NENHUM óbito foi relacionado à vacina CoronaVac desde o início da vacinação no Brasil, tanto em crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos, quanto na faixa acima de 18 anos", reforçam os técnicos da Anvisa.

Fonte: G1 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento