domingo, 14 de novembro de 2021

Febraban libera bancos a alterarem o horário de atendimento de suas agências após flexibilização do isolamento social.

 

As agências bancárias de todo o país poderão voltar a atender no horário habitual, segundo decisão da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban). Os horários especiais haviam sido adotados durante a pandemia de Covid-19 como medida para conter a disseminação do vírus.

Com o retorno das atividades para o funcionamento normal, os bancos poderão funcionar das 10h às 16h. A medida afeta Caixa Econômica, Bradesco, Santander, Banco do Brasil, Itaú e outras instituições menores.

Até o momento, a orientação da Febraban era de que os bancos realizassem atendimentos apenas da 9h às 14h, como o período das 9h às 10h reservado para idosos, gestantes e outros membros dos grupos de risco para a doença. Mas a flexibilização do isolamento social possibilitou a retomada da antiga escala.
Novos horários de funcionamento

Apesar da orientação da entidade, cada banco é responsável por definir seu próprio horário de funcionamento. Em nota, a Febraban disse que “não haverá um processo padronizado para retorno ao horário anterior à pandemia”.

Veja quais foram os novos horários adotados pelas principais instituições financeiras do país:

Caixa: retomará o horário normal das 10h às 16h no dia 23 de novembro. Algumas agências funcionam a partir das 9h;
Banco do Brasil: segue funcionando das 10h às 14h, exceto em alguns locais, onde abre às 9h;
Itaú: continua atendendo das 9h às 14h, com a primeira hora reservada para aposentados e pensionistas;
Bradesco: mantém o atendimento das 10h às 14h, com a abertura às 9h para atendimento exclusivo do público prioritário e às 8h em dias de pagamento do INSS.
Santander: voltou ao horário das 10h às 16h desde outubro, mas agências que concentram pagamento de INSS abrem às 9h.

Atendimento online

A pandemia acelerou bastante o processo de digitalização dos bancos, principalmente devido à migração do público para os serviços online. Sobre o assunto, a Febraban disse que essa continuará sendo uma ferramenta importante daqui para frente.

“O atendimento pelo celular (mobile banking), pelo computador (internet banking) e telefônico (call centers) está disponível e oferece praticamente a totalidade das transações financeiras do sistema bancário”, afirmou.

Fonte: capitalist.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botões de Compartilhamento