sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Sindicato Apeoc se reúne com o prefeito de Tauá


O Sindicato Apeoc esteve reunido nessa quinta-feira,05,com o prefeito Carlos Windson,com a secretária de educação, Aureamélia ,para tratar de assuntos relacionados a categoria dos profissionais de Educação.Segundo o sindicato os pontos tratados na reunião foram:

1. Manutenção da mesa de negociação entre SME/APEOC mensalmente. Resposta do prefeito - será mantido a porta de diálogo entre a gestão e o sindicato;

2. Pagamento do Abono. Resposta do prefeito - o município irá fazer o pagamento, o que é dos professores serão deles, mas tenham paciência, pois está com 4 dias de trabalho e ainda não tem acesso as senhas das contas,  estão bloqueadas e estão esperando os trâmites legais.  Esperem que será pago.

3. PCCRM.  Resposta do prefeito - vai analisar cuidadosamente,  já conhece o plano, mas ele pediu paciência.

4. Plano de carreira dos demais servidores da educação.  Resposta do Prefeito - Tem interesse na construção do plano.

4. Seleção dos gestores. Resposta do Prefeito  - será mantido a seleção.

5. Informamos sobre o requerimento do  descongelamento dos anuenios e atualização para todos professores. Resposta do Prefeito - Agradeceu a informação e se dispôs a dialogar.

6. Prorrogação do concurso público de 2014 (estiveram presentes 2 representantes de uma comissão dos classificáveis). Resposta do Prefeito - Está fazendo um levantamento da real situação dos servidores da educação, está analisando as demandas e todos serão convocados para a secretaria de origem. Dará retorno para a comissão.

7. Informamos que tramita na justiça uma ação jurídica contra o município pelo não pagamento do 13º salario remunerado.

8. Convênios com as escolas particulares. Resposta do Prefeito - Está analisando.

9. IPMT. Resposta do Prefeito - está muito preocupado com a situação do instituto de Previdência e está contratando uma empresa pra fazer uma auditoria.

Segundo o sindicato, o prefeito, secretária de educação e sua equipe pediram paciência, pois irão fazer as mudanças que sejam necessárias, a gestão está ouvindo as demandas e vai arrumar a casa com responsabilidade.

Com informações do sindicato Apeoc