domingo, 27 de dezembro de 2015

PARAMBUENSE CRUELMENTE ASSASSINADO NO ESTADO DE RORAIMA


Um homem de 51 anos, natural de Parambu, foi assassinado de forma cruel, no município de Cantá, próximo a capital Boa Vista, Estado de Roraima. O crime aconteceu na madrugada da ultima quinta feira, 24. A vítima teve a cabeça decepada e foi arrastada por 8Km em uma estrada vicinal, onde o corpo foi desovado.

A vítima trata-se de Edilson Gomes de Almeida, nascido aos 17/05/1964, filho de José Honório de Almeida e Alaíde Gomes da Silva, segundo o que consta na certidão de nascimento do mesmo.

O corpo da vítima se encontra no IML de Boa Vista e amigos procuram por familiares do mesmo aqui em Parambu para providenciar a liberação do corpo e o sepultamento. Segundo informações, o pai de Edilson se chamava “Zé Santana” e eram da localidade de Baixa Verde, Distrito de Mont Sion.

Veja a notícia postada nos sites de Boa Vista - Roraima
Um homem identificado como Edilson, de 51 anos, foi cruelmente assassinado na madrugada de ontem, 24, na vicinal 13 da Vila União, município do Cantá, região Centro-Oeste de Roraima. Segundo a Polícia, ele teve a cabeça decepada com golpes de terçado e o corpo arrastado por oito quilômetros na estrada. O principal suspeito do crime é o desocupado José Brito dos Santos, de 27 anos, que contou com a ajuda do sobrinho, um menor de 16 anos.

Segundo o sargento Cleodson Silva, que atendeu a ocorrência, a denúncia do assassinato foi feita pelo irmão do suspeito. “O irmão ligou para a polícia denunciando o homicídio. Ele disse que José estava em Boa Vista e que tinha escondido o corpo em um matagal na vicinal na região de Confiança 4”, disse.

Conforme o sargento, o irmão relatou que ouviu uma discussão entre José e Edilson. “Ele afirmou que ouviu a discussão e o irmão passando com um terçado. Depois disso, só ouviu os gritos e não encontrou mais o irmão e nem a vítima. Quando foi à tarde, um morador entrou em contato com a polícia e disse que havia encontrado um corpo sem cabeça na vicinal”, relatou.

No decorrer das investigações, a Polícia descobriu que um adolescente de 16 anos, sobrinho do suspeito, havia participado do homicídio. “Descobrimos que tinha um menor envolvido. Eles deceparam a cabeça da vítima e arrastaram o corpo em uma moto, preso pelo pé, por oito quilômetros na vicinal, onde largaram uns cinco metros no meio da mata”, informou o sargento.

Após deixarem o corpo de Edilson, sem a cabeça, no matagal, o suspeito sofreu um grave acidente na Vila São José, a 20 quilômetros do Cantá. “José colidiu de moto com uma vaca na vicinal e pediu auxílio de um enfermeiro. Ele se machucou bastante e foi conduzido para Boa Vista. Na hora que a gente soube, entramos em contato com algumas pessoas e fizemos a ligação com o crime”, explicou o policial.

O sargento informou que o suspeito passou por cirurgia na mão e na clavícula, no Hospital Geral de Roraima (HGR), e após receber alta será encaminhado para a Penitenciária Agrícola do Monte Cristo (Pamc). A moto usada para arrastar o corpo, que foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), em Boa Vista, por volta das 20h de ontem, foi encontrada na Vila São José. A Polícia não informou o paradeiro do adolescente que participou do homicídio.

Informações pelo telefone:
041 95 981060476 - Davi Ferreira - Boa Vista

Blog:Abraão Barros