quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Prefeito de Tauá decreta Estado de calamidade administrativa e financeira


O prefeito de Tauá,Fred Rêgo,decretou nesta quarta-feira,05,estado de calamidade administrativa e financeira do Município.No inicio da justificativa do decreto,o prefeito diz que de acordo com levantamentos da Secretaria de Finanças,existem dívidas de difícil solvência em curto prazo.As dívidas detalhadas são:


Ainda de acordo com o decreto,o município está impossibilitado de celebrar novos convênios e receber recursos federais,devido a pendência de dívidas previdenciárias.Informa que existe pendência de salários da saúde referente ao mês de outubro,além das outras secretarias referentes a novembro e que os recursos disponíveis não serão suficientes,juntando-se ainda o 13º salário.De acordo com o decreto ficam suspensos pagamentos de contratos,empenhos e convênios,até que sejam feitas análises pelas auditorias.O decreto garante o funcionamento de serviços essenciais,como limpeza pública,transporte escolar,transporte de pacientes,etc.O decreto vale por 180 dias.

CONFIRA O DECRETO