quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Ministro Gilmar Mendes cassa liminar que mantinha prefeito de Tauá no cargo


Mais uma decisão foi tomada pelo Ministro do Supremo Tribunal Federal,Gilmar Mendes,relator do processo 31778,que trata sobre a cassação do prefeito de Tauá,Carlos Windson Cavalcante Mota.Em decisão divulgada no inicio desta noite,o Ministro cassa a liminar anteriormente deferida e nega seguimento à reclamação feita pelo prefeito Carlos Windson,ficando prejudicado o agravo regimental.

Com essa decisão do Ministro,passa a valer a decisão da Câmara Municipal de Tauá,que no dia 12 de setembro,cassou o mandato do prefeito,por 11 votos a 4.Ainda com essa decisão,passa a valer a posse dada ao vice-prefeito de Tauá,Fred Rêgo.Ele deve reassumir o cargo imediatamente,sem a necessidade de qualquer formalidade.

Repórter Edy Fernandes