sexta-feira, 23 de novembro de 2018

Assaltantes que promoveram arrastão no município de Aiuaba foram presos em Arneiroz.


As Polícias Militar dos destacamentos de Aiuaba e Arneiroz prenderam nesta quinta-feira, 22, três homens acusados de praticarem uma série de assaltos contra várias vítimas na noite de quarta-feira,21, na Vila de Barra Verde-Aiuaba, distante 15 quilômetros da cidade.

Naquela ocasião, três bares e algumas pessoas que estavam sentadas nas calçadas foram vítimas de quatro homens, que armados, encapuzados e em duas motocicletas, fizeram um verdadeiro arrastão, causando pânico e medo aos moradores que ali residem.

Durante a ação, as vítimas tiveram aparelhos celulares subtraídos, bem como outros objetos pessoais.

De um vendedor conhecido como Toinho do Seu Doca, que estava num dos locais da ação, os indivíduos subtraíram dele R$ 3.000,00 reais em espécie.

De um dos donos de bar, foram subtraídos R$700,00 reais. Após os assaltos os acusados fugiram no sentido a cidade de Arneiroz.

Ao tomar conhecimento do fato, a Polícia Militar de Aiuaba, sob o comando do Sargento Dário com participação do Soldado Ribeiro, entrou em ação e solicitou apoio da PM de Arneiroz, que durante o trabalho conjunto de diligências e investigação, na manhã desta quinta-feira, foi possível chegar até um dos acusados de nome Romário Rodrigues, residente no bairro Santo Antonio, em Arneiroz, que delatou os nomes dos demais envolvidos nos assaltos, sendo um deles do distrito de Barra-Aiuaba, que seria seu cunhado. Os Policiais do destacamento de Arneiroz que contribuíram na operação policial, Sub. Tenente Carlos Couto(Comandante), Sub. Ten. Laurindo e Sargento Silva.

Foram presos, Francisco Romário Rodrigues da Silva,20, Natural de Arneiroz; Daniel Nazário Ferreira da Silva, 26, natural de Fortaleza. Este reside em Arneiroz desde 2012 e Francisco Evandro Luna da Silva, vulgo “Coringa”, 19, natural de São Benedito. Todos residentes no bairro Santo Antonio.

O quarto acusado, residente no distrito de Barra-Aiuaba já foi identificado pela polícia, porém não foi localizado e continua foragido.

Foram aprendidos um revolver calibre 38, duas luvas, duas bala clavas, dois blusões, um recipiente de spray para pichação, uma motocicleta usada na ação – Honda Fan, 125, 2009, de cor vermelha, placa NQM-7786 – inscrição de Fortaleza e quatro aparelhos celulares das vitimas. Uma parte do dinheiro tomado de assalto (roubado) foi recuperada, uma quantia de R$650,00 reais em posse de Romário e na casa de Daniel o total de R$300,00 reais.

Algumas das vítimas estiveram na noite de ontem na Delegacia Regional de Tauá para o reconhecimento dos acusados e de seus pertences.

Os acusados foram flagranteados na 14ª por roubo, porte ilegal de arma e formação de quadrilha.

Por Flaviano Oliveira - repórter.