quarta-feira, 29 de agosto de 2018

Acusado de matar vereador é absolvido em julgamento em Catarina


O Tribunal do Júri da Comarca de Catarina,se reuniu nessa terça-feira,28,para julgar o réu Francisco Maikel Vasconcelos,acusado de assassinato contra o vereador Antonio Chagas de Oliveira,conhecido como Valmir do Monte Alegre.O fato aconteceu no dia 14 de abril de 2016,em um bar na cidade de Catarina.O parlamentar foi morto com 05 tiros disparados pelo réu,após uma discussão banal.

Francisco Maikel foi pronunciado por prática de homicidio qualificado pela futilidade e por recurso que dificultou ou impossibilitou a defesa da vitima.A defesa do réu alegou legitima defesa.O pedido contido na denúncia foi julgado improcedente por decisão unânime do conselho de sentença e o réu foi absolvido.Francisco Maikel estava preso desde maio de 2016,recolhido em uma das celas da Cadeia Pública de Arneiroz e agora ganha a liberdade.

O julgamento foi bastante concorrido e a sessão foi prestigiada por um grande público formado por moradores do Municipio de Catarina e adjacências.

O júri foi presidido pelo Juiz francisco Hilton Domingos de Luna Filho.O Ministério Público fez a acusação através do seu representante dr.Alexandre Paschoal.O réu foi defendido pelo advogado Tauaense José Viana de Abreu.

Confira a sentença: