terça-feira, 1 de agosto de 2017

PPA: Sertão dos Inhamuns define questão hídrica como desafio para 2018


A Oficina de Monitoramento Participativo do Plano Plrurianual  (PPA) 2016-2019 apontou avanços em 2017 em relação ao que estava previsto nas estratégias formuladas em planejamentos anteriores e elegeu a questão da infraestrutura hídrica como o principal desafio para 2018. O encontro aconteceu nesta terça-feira (dia 1º), em Tauá, e reuniu também outros quatro municípios da Região dos Inhamuns - Aiuaba, Arneiroz, Parambu e Quiterianópolis.

“Os carros-pipas são uma questão provisória. Mas o sentimento é de que mais investimentos em poços profundos seria a prioridade no momento para o meu município e os demais da Região dos Inhamuns”, observou Francisco Jacildo Feitosa, técnico da Ematerce, que trabalha no município de Aiuaba. Em relação a outras questões como segurança pública e saúde, apontadas em eventos anteriores como prioridades regionais do PPA, o sentimento é de que estão ocorrendo avanços.

Raimundo Oliveira Lima, secretário de Finanças dos Sindicatos de Trabalhadores Rurais de Tauá, considera que houve uma redução importante da violência na região após a decisão do governo instalar o sistema raio de segurança militar no município. “A situação ainda não é ideal, mas a gente reconhece o esforço do governo estadual nessa área e já podemos constatar que houve redução na criminalidade. Nossa preocupação maior agora é com a questão da água para a produção”.

O secretário de Saúde de Arneiroz, Francisco Willys Nóbrega, que já participou de outros eventos do PPA, avalia que houve avanços entre o que foi sugerido ou solicitado e o que foi implantado pelo governo estadual. “A gente se ressentia, por exemplo, de médicos especialistas na região. Não tínhamos exatamente em mente como executar essa política pública, mas hoje observamos ela contemplada com a implementação de uma Policlínica regional. Então creio que houve avanços importantes a partir das discussões que tivemos em oficinas anteriores do PPA”, concluiu.


Assessoria de Comunicação da Seplag