segunda-feira, 31 de julho de 2017

Homem revoltado queima motocicleta e prisão na Lei Maria da Penha


Um homem de 25 anos colocou fogo na sua própria motocicleta após uma abordagem de rotina do Pro cidadania devido o mesmo está conduzindo sem o capacete.O fato aconteceu por volta das 22h25, deste sábado, 29, na BR 020 – próximo ao CECITEC – Centro de Ciências e Tecnologia – Núcleo da UECE – Tauá.

Jonatas Sousa Bezerra, residente em Várzea do Boi – estava pilotando uma moto Yamaha YBR Preta, placa OCC 3161.

Durante a abordagem foi verificado no sistema que o veiculo tinha várias multas de variadas infrações de trânsito. Após a abordagem, o condutor revoltado ateou fogo na prorpia motocicleta que ficou destruída.

Ele foi conduzido para a Delegacia Regional de Polícia Civil de Tauá para os devidos procedimentos, relatando que não aguentava receber tantas multas.

Conforme levantamento feito, as multas totalizam mais de 5 mil reais.

Lei Maria da Penha
A equipe ROMU da Guarda Civil Municipal,realizou nesse domingo uma prisão por acusação na Lei Maria da Penha.O fato aconteceu no loteamento Arizona.A vitima,uma senhora de 39 anos,foi encontrada na casa de uma vizinha,bastante nervosa e machucada,relatando que foi agredida por seu companheiro,que havia se evadido do local.A vitima foi conduzida para a delegacia,com o apoio do Pró-Cidadania para o registro do boletim de ocorrência.Logo depois a ROMU recebeu a informações sobre o paradeiro do acusado,que foi localizado e conduzido para a DP,para os devidos procedimentos.Ele foi identificado como Francisco Antonio,39 anos.

Repórter:Flaviano Oliveira