segunda-feira, 19 de junho de 2017

Vereador anuncia criação de comissão para investigar denúncias sobre a merenda escolar


O vereador Dr.Edyr Lincon,ocupou a tribuna na sessão dessa segunda-feira,19,da Câmara Municipal de Tauá,onde anunciou as primeiras providências tomadas pela secretaria de educação do Municipio,em relação a denúncias sobre possiveis irregularidades na merenda escolar.De acordo com a denúncia apresentada na sessão anterior,pelos vereadores Felipe Viana e Luis Tomaz,o pão que foi entregue pela empresa ganhadora da licitação,tem em cada pacote um pouco mais de 300 gramas,quando deveria ter 500 gramas.Segundo informou Dr.Edyr,foi criada pela secretaria uma comissão de processo administrativo disciplinar,que vai apurar as denúncias,em um prazo de 60 dias,podendo ser prorrogados por mais 60.A comissão é formada pelas professoras Antonia Carlene Siqueira Gonçalves,Francisca Elione Alves Pereira e Lucivanda Loiola.Segundo o vereador,após o resultado apresentado pela comissão as demais providências serão tomadas.

Em aparte o vereador Luis Tomaz reforçou as denúncias e anunciou que pretende criar uma CPI na Câmara Municipal,uma comissão parlamentar de inquérito.Segundo o vereador existem denúncias de graves irregularidades e só uma CPI para fazer a devida apuração dos fatos.Luis Tomaz voltou a questionar a situação da carne muida comprada para a merenda escolar.Segundo ele,constatou um absurdo no preço da carne,custando quase 23 reais,quando o produto com a mesma qualidade é comercializado em Tauá com preços entre 9,00 a 10,00.A vereador Fátima Veloso,também em aparte reafirmou a disparidade do preço da carne que foi adquirida para a merenda escolar.