quarta-feira, 22 de junho de 2016

Um réu condenado e outro absolvido em mais um júri em Tauá


O tribunal do júri da comarca de Tauá voltou a se reunir nessa quarta-feira,22,no fórum Dr. Fábio Augusto,quando dois réus foram julgados.A vitima no caso foi Francisco Sobreira Neto,conhecido como Chico Sobreira,assassinado no ano de 2001,na localidade de Cacimbas,Marruás.O principal acusado é Antonio Marciano Pedrosa,que é considerado foragido e não compareceu ao julgamento,sendo julgado à revelia.Ele foi condenado a 21 anos de prisão e já tinha um mandado contra o mesmo.A segunda pessoa julgada foi Benedito Barreto Rodrigues,que compareceu ao júri.O promotor Dr. Haroldo dos Santos Silva,pediu a absolvição do réu,o que foi confirmado pelo júri.

O júri foi presidido pela juiza Drª Giséli,com a acusação ficando à cargo do promotor,Dr. Haroldo e na defesa dos réus os advogados Dr. José Viana de Abreu e Carlos Augusto Lima.Já está  marcado para a próxima quarta-feira mais um julgamento.