segunda-feira, 6 de junho de 2016

Segurança,abastecimento de água,foram assuntos debatidos na sessão do legislativo tauaense


A Câmara Municipal de Tauá realizou nessa segunda-feira,a 17ª sessão ordinária do 1º periodo legislativo.A questão da segurança foi um dos assuntos debatidos na sessão,contando com a presença do soldado Tayrone da FTA de Tauá.O Militar falou do trabalho desenvolvido pelo grupo de 08 policiais que formam a Força Tática,apresentando um relato das ocorrências atendidas e quase sempre com resultados positivos nos últimos 35 dias.

O vereador Chico Neto foi o primeiro a ocupar a tribuna na sessão dessa segunda.Mais uma vez ele cobrou ações junto ao governo do Estado,para melhorar o sistema de abastecimento de água em Tauá,por parte da Cagece,O parlamentar recebeu apartes como do vereador Antonio Coutinho,que defendeu uma ação juridica para tentar solucionar o grave problema.O vereador Marcos Caracas cobrou uma melhoria no atendimento do IML de Tauá,se referindo ao caso registrado no último final de semana,quando o corpo de um jovem vitima de acidente teve que ser levado para o exame de necropsia no Municipio de Quixeramobim.O vereador Felipe Viana também ocupou a tribuna,relatando a vitória que obteve em julgamento do TRE,na semana passada.O parlamentar foi julgado pelo tribunal,por ter sido denunciado após a troca de partido.Ele recebeu o aparte de vários parlamentares.

Na ordem do dia  foi aprovado o projeto de lei de autoria do presidente Ronaldo Filho,que denomina de Antonio Cândido Feitosa,Tutú Feitosa,via pública que fica por trás da rua Silvestre Gonçalves,no centro.Foi aprovado projeto de resolução de autoria do vereador Vony Sousa,que concede a Lucilene Alves da Silva,ex-presidente do Sindicato dos trabalhadores rurais de Tauá,a honraria da medalha Francisco Soares de Carvalho.

Duas matérias que faziam parte da ordem do dia,receberam pedidos de vistas.O projeto de autoria do executivo,que dispõe sobre diretrizes para a elaboração da lei orçamentária para o exercicio de 2017,teve o pedido de vistas do vereador Chico Neto.O plenário foi favorável ao pedido.O outro pedido de vista foi do vereador Marcos Caracas,ao projeto de resolução que cria a CPI da Cagece.O vereador justificou o pedido,diante dos pareceres das comissões técnicas,quando uma comissão deu parecer favorável e outra deu um parecer contrário.Segundo o vereador,o projeto deve receber o parecer da assessoria juridica do legislativo.O pedido de vistas foi aprovado com 05 votos favoráveis,04 contra e 02 abstenções.

Confira a sessão completa no You Tube

Sessão