segunda-feira, 23 de maio de 2016

Apreensão de armas e prisões por porte e posse ilegal na zona rural de Tauá


Uma denúncia registrada na noite deste domingo, 22, por volta das 19 horas, levou a prisão de duas pessoas na região de Carrapateiras, zona rural do município de Tauá.

O primeiro caso aconteceu quando os Agentes do Pro cidadania Walter e Pacífico foram acionados para a localidade de Mutuquinha, onde um menor de 15 anos  estava armado com um revolver calibre 38, com seis munições intactas, ameaçando outro adolescente de 17 anos. A vítima estava na casa da namorada. Segundo informações do jovem ameaçado, o acusado chegou a residência mandando ele saír de dentro de casa que iria matá-lo. O motivo não foi informado. Contudo, a composição da FTA, através dos soldados Teixeira, Amarildo e Bruno, que também atendeu a ocorrência, efetuou  a apreensão do menor e da arma, sendo conduzidos até a 14ª DP, para os procedimentos  cabíveis.

O segundo caso aconteceu por volta das 21h30, quando a equipe estava retornando para Tauá, e foi acionada por moradores da comunidade de Santo Antonio, de que havia um homem efetuando disparos nas proximidades do cemitério da localidade.

Ao averiguar a denúncia, foi identificado o responsável pelos disparos, que foi preso em casa. Damião Alves Saraiva, 45, foi conduzido para a Delegacia Regional de Tauá. Com ele, foi apreendida uma espingarda calibre 36.


Repórter:Flaviano Oliveira