quinta-feira, 7 de abril de 2016

DICIONÁRIO CEARENSE


F
FAJUTO
Ruim, de má qualidade, falso.

FALAR ÁGUA
Falar bobagem, abobrinha, miolo de pote. “O Cara só fala água, não tem uma palavra que se aproveite…”.

FANABÔ
Tênis. Denominação muito antiga para esse calçado.

FARINHA DO MESMO SACO
Pessoa de caráter igual ao de outra (geralmente se diz de pessoa de maus-caracteres).

FAROFA
Iguaria feita com farinha de mandioca torrada na manteiga com cebola e outros temperos.

FAZER HORA COM A CARA
Fazer gozação.

FAZER MAU
Desvirginar. “Ele fez mal à moça”.

FAZER MERCANTIL
Fazer a Feira.

FAZER SABÃO
Sexo entre lésbicas.

FECHAR
Desligar. “Menino fecha a luz”.

FECHICLER
Zíper.

FEIRINHA
Concentração de barracas vendendo comidas, bebidas, artesanato etc., geralmente em praças públicas.

FEITO NAS COXAS
Coisa mal feita, mal acabada, defeituosa.

FELA DA GAITA
O mesmo que fila da puta, fela da puta ou filho da puta.

FELA DA PUTA
Corruptela de filho da puta.

FERRADO
Lascado, sem dinheiro. “Perdi todo o dinheiro, estou ferrado!”.

FICAR NO CANTO
Ser deixado de lado. Geralmente ocorre quando nasce uma criança e o irmão mais velho passa a receber menos atenção. “Depois que o outro filho o bichinho ficou no canto!”.

FILA DA PUTA
Corruptela de filho da puta.

FILÉ-DE-BORBOLETA
Pessoa muito magra.

FILHO DE UMA ÉGUA
Gradação de filho da puta.

FILMAR
Observar curiosamente. “Eu estava conversando com a menina e o curioso ficou o tempo todo filmando!…”.

FIOFÓ
Ânus, boga, anel, carritel “Este menino queima o fiofó!”.

FIZ QUE IA NÃO FOI E ACABEI FONDO
Trata-se de uma expressão criada pelo jogador Dedeu, antigo craque lá das bandas de Sobral, quando já estava jogando pelo Náutico de Recife.

Um repórter recebeu de Dedeu exatamente essa explicação para uma jogada espetacular do jogador: ” Eu fiz que ia não foi e acabei fondo. A expressão tomou logo lugar no linguajar cearense.
FLOZÔ
Ficar de flozô, atoa, sem fazer nada.

FOGOIÓ
Quem tem o cabelo originalmente avermelhado (ruivo). Certamente vem da comparação com fogo, a cor do fogo.

FOI MAL
Perdão.

FOLÓ
Frouxo. “esta roupa está muito foló!”.

FOMINHA
Alguém que só quer tudo pra si. Sovina, avaro. (Outros: avarento, miserável, migalheiro, pica-fumo, muquirana, unha-de-fome, morrinha, seguro, zuraco, pão-duro, tranca, esganado, agarrado, mão-de-vaca, mão-fechada).”Esse jogador é muito fominha, só quer a bola pra ele!”.

FORRÓ E FORROBODÓ
“Forró” é um ritmo genuinamente nordestino e mais do que nunca em evidência. A origem é muito antiga, o forró foi apresentado ao país nos anos 40 por Luiz Gonzaga.

FORTALEZA
Esse nome veio, certamente, do fato da cidade ter nascido em volta de uma fortaleza. Na última invasão holandesa, Matias Beck fundou o Forte Schoonenborch e uma vila às margens do Riacho Pajeú. Essa vila cresceu e se tornou a capital do Ceará.A primeira capital, no entanto, foi Aquiraz, cidade próxima a Fortaleza que guarda muitos detalhes do período colonial.

FRANGOTE
Rapaz ainda na adolescência, com menos de vinte anos. “Essa frangote pensa que é homem!”.

FRESCAR
Fazer uma brincadeira. “Se zanga não, tô só frescando”.

FRIVIÃO
Inquietação, principalmente de criança. “Esse menino parece que está com um frivião no fundo!”.

FUAMPA
Mulher vadia, meretriz, que anda com muitos homens. “Se aquela fuampa olhar pro meu marido eu esgano ela!”. 

FULEIRAGEM
Gente sem expressão, gentinha. Pode também se referir a qualquer coisa feia, mal feita, mal acabada etc. “O teu carro é uma fuleiragem”.

FULEIRO
Ordinário, ruim. Mas pode ser também pessoa muito irreverente, brincalhão, depende do sentido da frase. “O cara é muito fuleiro, só falta matar a gente de rir”.

FULO OU FULO DA VIDA
Com muita raiva. “Eu estou fulo da vida com esse novo presidente do Brasil!”.

FUMANDO NUMA QUENGA
Puto da vida, muita raiva.

FUTRICA
Brincadeira ou conversa fora de hora, confusão, intriga. “Acabem com essa futrica e voltem logo ao trabalho”.

FUTRICAR
Mexer, investigar, fazer confusão. “Essa mulher vive futricando a minha vida”.


FUXICO
Inventar coisas a respeito de alguém ou contar verdades, porém sempre com o intuito de indispor uma pessoa com outra.
Fonte:soudonordeste.com.br

Um comentário:

  1. Quem é o autor desse dicionário? Seria legal dá os créditos!

    ResponderExcluir