quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

DELEGADO INFORMA QUE MENOR FOI VITIMA DE TIRO ACIDENTAL E NÃO ASSASSINADO


Muda a história em relação a morte do jovem Lucas Teles Nonato,17 anos,fato ocorrido no último domingo,na rua Alfredo Ferreira Vale,em Tauá.Segundo o delegado regional,Dr. Gregório Neto,o rapaz que era conhecido como Telinha,não foi assassinado como foi informado e sim morreu vitima de um tiro acidental.Segundo o delegado,Lucas estava manuseando uma arma quando acabou acidentalmente disparando contra o seu próprio peito.O delegado informa que chegou a essa conclusão após receber as informações da pericia e o depoimento de um irmão da vitima,que estava no local do fato.Segundo o delegado,no primeiro momento o irmão deu outras informações,mas caiu em contradições e através do trabalho de investigação e da pericia a policia chegou a conclusão que o tiro foi acidental.A arma foi apreendida.