quarta-feira, 18 de novembro de 2015

CORPO DE BOMBEIROS ACIONADO PARA INCÊNDIOS EM PARAMBU E ARNEIROZ


Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Tauá foi chamada para combater um incêndio de grandes proporções que se aproximava das residências do Conjunto Augusto Alves em Parambu. O fato aconteceu no inicio da tarde desta terça feira, 17, e por mais de uma hora, populares com baldes tentaram apagar o fogo. Por fim, um caminhão pipa e os agentes conseguiram debelar as chamas.

O fogo começou em um terreno baldio por traz das residências, entre o Conjunto Augusto Alves e a Rua Pedro Alves da Costa. A sequidão e o forte calor contribuíram para que rapidamente as chamas se espalhassem e em poucos minutos todas as ruas estavam tomadas por fumaça.

Mesmo com a tentativa de apagar o fogo por parte dos moradores que utilizaram baldes, a falta d’água na cidade e consequentemente em suas caixas d’águas tornou a ação sem sucesso. A fumaça chamava a atenção de toda a cidade e vários curiosos foram ao local ver o que estava acontecendo.

Os moradores acionaram a equipe do Corpo de Bombeiros que demorou aproximadamente uma hora para chegar ao local onde as chamas já estavam sendo controladas com a ajuda de populares que utilizavam água de uma carro pipa. Os agentes ajudaram a debelar as chamas até o ultimo foco.

Ainda não se sabe o que teria provocado o incêndio. 

EM ARNEIROZ
Outro incêndio foi registrado na beira do rio,no Municipio de Arneiroz.O Corpo de Bombeiros também foi acionado e conseguiu debelar as chamas.No local não existia residências,apenas o mato foi atingido.Não se sabe o que provocou o incêndio.


Loja é furtada no centro da cidade de Parambu 
Uma loja foi furtada durante a madrugada desta terça feira, 17, na Rua José Arteiro, centro da cidade de Parambu. A comunicação do fato foi feita à Polícia Civil por meio de Boletim de Ocorrência – B.O, registrado pela proprietária da loja, a Sra. Maria Girlene dos Santos Ferreira.

A mesma disse que quando sua funcionária chegou para trabalhar hoje pela manhã encontrou as coisas desarrumadas e logo percebeu que algo estranho havia acontecido no local. Ao conferir as mercadorias, sentiu falta de: 11 colares, 10 camisas masculina, 3 shorts masculino, 10 bonés, 5 perfumes, 1 caixa com 50 anéis, 10 relógios, 4 pingentes, 10 cordões, 15 pulseiras infantil, 10 brincos variados e 20 shorts femininos.

A proprietária relatou ainda que provavelmente os ladroes entraram pelo teto da loja para praticar o furto. A mesma disse que ainda não havia somado o tamanho do prejuízo. 

Fonte:Blog Abraão Barros