sexta-feira, 25 de setembro de 2015

ACABA A GREVE DO INSS

Após 81 dias com os serviços suspensos, os servidores administrativos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) no Ceará optaram pelo fim da greve iniciada no dia 7 de julho de 2015. A decisão foi tomada após a realização de assembleia local, na tarde desta sexta-feira (25), que contou com a presença da categoria que atua no Estado.

O Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde, Trabalho e Previdência Social no Estado do Ceará (Sinprece) afirma que a próxima segunda-feira (28) os funcionários retomam as atividades para por em dia os serviços burocráticos. O atendimento externo será reiniciado na terça-feira (29). Segundo o Sinprece, o reajuste oferecido pelo Governo Federal não pode ser chamado de uma conquista, já que, foi inferior ao aumento de 27,5% da inflação.

"Inicialmente, o Governo ofereceu um reajuste salarial de 21% a ser dividido em quatro anos, o movimento não acatou. Optamos pelo reajuste de 10,8% que será dividido em dois anos. A primeira parcela será recebida em agosto de 2016, a segunda só em janeiro de 2017", informou o sindicato.
Ainda conforme o Sinprece, a mobilização dos servidores continuará devido às ameaças das retiradas de alguns direitos já conquistados, como o abono permanente.

Nas agências haverá ainda uma discussão para decidir como será feito o atendimento da demanda reprimida durante o período das atividades suspensas. Na pauta de reivindicações dos servidores também estavam a redução da carga horária semanal e a incorporação de gratificação aos servidores em exercício. Ambas não foram atendidas.

A greve acontecia na maioria das agências de todo o País. Segundo o sindicato que representa os funcionários, 15 milhões de pessoas deixaram de ser atendidas nesse período de paralisação.

Fonte :Diário do Nordeste