segunda-feira, 13 de julho de 2015

MUNICIPIOS DA REGIÃO SERÃO BENEFICIADOS COM AÇÕES DO PROJETO SÃO JOSÉ


O governador Camilo Santana enviou para a Assembleia Legislativa duas mensagens que visam incentivar a produção agrícola familiar em diversos municípios do interior cearense, como parte das ações previstas no Plano de Convivência com a Seca apresentado no início do ano pelo Governo do Estado. Ao todo, serão investidos R$16.104.082,07 para iniciativas do Projeto São José III que irão beneficiar 1.533 famílias da zona rural cearense. As mensagens seguiram para apreciação dos deputados estaduais e devem ser votadas ainda esta semana, antes do início do recesso parlamentar.

Do investimento total, R$14.281.081,00 irão beneficiar 1.448 famílias com a implantação de 47 projetos produtivos nos municípios de Aiuaba, Apuiarés, Aquiraz, Arneiroz, Barbalha, Barro, Beberibe, Capistrano, Cariús, Cascavel, Choró, Crateús, Graça, Horizonte, Ibiapina, Icó, Iguatu, Ipaporanga, Jaguaribara, Lavras da Magabeira, Maracanaú, Maranguape, Meruoca, Monsenhor Tabosa, Morada Nova, Novo Oriente, Orós, Palhano, Parambu, Paramoti, Pindoretama, Quixeré, Santana do Cariri, Sobral, Tabuleiro do Norte, Tamboril, Tauá e Várzea Alegre.

Estas ações do Projeto São José III são voltadas para a consolidação da produção e comercialização da agricultura familiar, garantindo também o acesso à água de qualidade para o consumo humano e saneamento. Quatro setores foram contemplados: Agricultura Familiar com Inovação Tecnológica, Apicultura, Ovinocaprinocultura e Piscicultura. Os projetos estão estruturados em 3 componentes (inclusão econômica com fortalecimento das cadeias produtivas; sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário e fortalecimento institucional com apoio à gestão) e contam com o apoio técnico de instituições colaboradoras, como Cagece, Sohidra e Ematerce.

Outros R$1.823.001,07 serão destinados a implantação de Projetos Pilotos de Reúso de Água Cinza (aquela que é utilizada para serviços domésticos e depois de passar por processo de limpeza, pode ser utilizada) para beneficiar 85 famílias de 17 municípios do interior cearense: Quixadá, Piquet Carneiro, Mombaça, Brejo Santo, Marco, Viçosa do Ceará, Itapiúna, Capistrano, Maranguape, Miraíma, Nova Russas, Orós, Itatira, Sobral, Tauá, Cascavel e Quixeré. Esta ação do Projeto São José III irá permitir que os moradores reutilizem água para a produção de alimentos na zona rural com segurança. Para tanto, eles serão capacitados com aulas de educação ambiental, manejo do sistema, monitoramento das águas cinzas e outros temas, que reforçam a importância da sustentabilidade hídrica e do uso de estratégias para a convivência com o semiárido.

Coordenadoria de Imprensa da Casa Civil